PARTICIPANTES

 

1- Cassia Vicente
2-Clara da Costa
3- Ary Franco ( O Poeta Descalço)
4- José Hilton Rosa
5- Maria Olga de Oliveira Lima
6- Ilze Soares
7- Luiza Almeida
8- Fernando Alberto Salinas Couto
9- Maria de Fátima Delfina de Moraes
10- Osmarosman Aedo- 2.000 e Nós
11- Espedito Assis de Souza (Dito)
12- Theca Angel
13- Isabel C S Vargas
14- Rose Arouck
15- António Barroso (Tiago)
16- AugustaBS
17- Marcia Larangeira
18- Mifori
19- Gina Maia
20- Gutemberg Maciel
21- José Ernesto Ferraresso
22- Marinez Stringhetta/Mara poeta
23- Zenaide Giovinazzo
24- Nilza Stringhetta Rossi
25- João Coelho dos Santos
26- Eugénio de Sá
27- Malubarni
28- Sonia Nogueira
29- Rita Rocha
30- Virgilio Roque
31- There Válio
32- Odir Milanez

 

 

 

Um café, por favor...
Cássia Vicente

 Um café...Estado líquido das minhas lembranças...
 O cheiro suave entrando pelas minhas narinas.
 Minhas mãos aquecidas pelo calor da porcelana.
O líquido quente escorrendo pelo meu corpo adentro.
 Lembranças afloram meus sentidos, descomplicam...

 

 

Um café, por favor...
Clara da Costa
 
 
Um café...recordações despertadas...
Sol a nascer.
O embalo na rede,
Sussurros.
Cheiro de mato nas manhãs orvalhadas...
Lembranças de um tempo que não volta mais.
Futuro que escapuliu das mãos.
Um café...final de cena,
No apagar das luzes.

 

 

UM CAFÉ, POR FAVOR!
Ary Franco ( O Poeta Descalço)
 
Supicou-me ele com a mão estendida.
Venha! Também tomarei um contigo.
Conte-me o que houve com tua vida.
Amigo, estou pagando um castigo.
Saiba que Deus não castiga ninguém.
Levanta a cabeça e volta a ser alguém!
Vou tentar. E lá se foi o pobre coitado.
Chorando, disse-me um muito obrigado.
Impotente, lamentei a sorte daquele irmão.
Deixou-me só, com uma triste recordação!

 

 

Um café, por favor...
José Hilton Rosa
 
andando pela calçada larga em desenhos florais
a brisa sopra meu rosto 
sem compromisso com o tempo
recebo o convite da beleza do lugar
procuro um lugar em destaque para uma boa tarde
uma oferta em voz suave e meiga 
peço para apreciar, um café por favor

 

 

Um café, por favor...
Maria Olga de Oliveira Lima
  
  Ainda espero por você...
Insisto, na cama permanecer...
Diga-me mais um vez que me ama...
Que me quer...
Só a mim sabe amar...
Sou a mais apaixonada mulher!
E o café, meu amor?? Por Favor!!
O meu café matinal??
O aroma...  O ritual...
Até quando essas recordações
Lindas... dolorosas estarão
A me acompanhar??
O amor que chegou intenso... verdadeiro...
Devassou meus sentimentos
Nada durou... Apenas lembranças deixou...
Agora... só lamento...
Seu Romântico Amor... não me sai do pensamento...

 

 

Um café, por favor...
Ilze Soares
 
Sol rompendo as brumas da noite,
orvalho pingando das flores,
cheiro de mato molhado...
No silêncio da manhã,
outro cheiro se espalha no ar...
O do cafe recem coado,
inigualável, cativante, sedutor.
Um café, por favor...

 

 

Um café, por favor...
Luiza Almeida

Um aroma que perfuma. 
Um sabor que amarga.

Um café, por-favor.
Sabor que lembra o amargor da vida.
Aroma que desperta o dia.

 

 

Um café, por favor...
Fernando Alberto Salinas Couto
 
Eu confesso que agora
sinto um amargo sabor,
enquanto ela demora.
Me dê um café, por favor

 

 

Um café, por favor...
Maria de Fátima Delfina de Moraes
 
Um café...
Viajo nas lembranças... 
Saudades do que fomos.
Vem o contemplativo do que podíamos ser...
O tempo passou, levando minhas tristezas.
Caminho sem pressa, em busca de novo amor !

 

 

UM CAFÉ POR FAVOR...
Osmarosman Aedo- 2.000 e Nós

Preto, claro, sempre atraente
Sabor viçoso mergulha na gente
Cumpre a promessa, sono diferente
Escondido na xícara, no copo ou na mente
Bebida que cabe fria ou quente...
Sentado ou em pé, janela de frente
Paisagem que anda e os olhos nem sente
Mas, sempre é seu cheiro quem desperta
O que por agora, é sabor vigente.

 

 

UM CAFÉ POR FAVOR...
Espedito Assis de Souza (Dito)
 
O frio era detalhe
Em meio aquele abraço quente ela pediu
um café por favor ...
Não sei se foi seu cheiro de amor
seu hálito gostoso,quente , seu ardor ...
Só sei que beijei com vigor
seus lábios de fogo e mel . 
Fui pro céu!
E o café ?
Ah, o café foi pro beleléu! 

 

 

Um café, por favor...
Theca Angel
 
Um café, por favor, quente, bem quente...
Foi assim que naquele dia tudo teve inicio.
Uma manha iluminada pelo sorriso do atendente
Decretou em minha alma , doce armisticio...
Cada gole foi trazendo os sonhos do passado
E os revivi com o coração descompassado...
Quanto tempo fiquei ali, xícara aquecendo as mãos
Que as apertava, acariciando a vivida paixão!

 

 

Um café, por favor...
Isabel C S Vargas
 
Em meio a tanta correria,
Fluidez dos tempos
Das relações humanas,
Quero beber uma porção
De passado cheiroso
Com saber de carinho
Que me despertava pela manhã.
Abria os olhos sentindo o aroma gostoso
Do café preparado por meu amor,
Para juntos começarmos o dia.
Ah! Como eu desejo mais um café, por favor...

 

 

Um Café Por favor!
Rose Arouck
 
 
Minha infância ficou impregnada de café;
seu aroma, sua cor e seu sabor...Pois é! 
Café da mamãe, nas saborosas manhãs. 
Café das tardes calorosas
acompanhado de brioches e maçãs.
Café dava o sinal que visitas estavam chegando.
Ah, como é bom de tudo isso ficar lembrando!...

 

 

Um café, por favor...
António Barroso (Tiago)
 
Atrás do balcão, ela me sorria
Com olhares, promessas de ventura,
Suas mãos me tocavam, com ternura,
Sobre a madeira lisa em que servia.
 
Para ela, outros clientes não havia,
E humedecia os lábios, como jura,
Prometendo prazer p?ra outra altura,
Talvez findo o trabalho desse dia.
 
Sua voz, indagando o meu desejo,
Tão suave e tão quente como um beijo,
Calava fundo, em mim, com tal sabor
 
Que, em resposta, pejado de emoção,
Disse, apenas, pegando-lhe na mão:
- Eu só quero um café, se faz favor.

 

 

Um café , por favor...
AugustaBS
 
Uma noite de amor,
horas esquecidas , declarações  em ações.
Beijos , roçar de corpos, gemidos  e finalmente o prazer.
 O dia já acordou.
Eu preguiçosa na cama  e ele...
Um café , por favor meu amor?!

 

 

UM CAFÉ, POR FAVOR...
Márcia Larangeira
 
Abro os meus olhos  e me viro na cama  
Enquanto você ,com a voz rouca, me chama
Eu finjo dormir, você faz que não percebeu
 Enquanto puxa o meu corpo, colando-o ao seu
Com um movimento,você entrelaça as nossas pernas
Sinto o seu toque e suas carícias ternas
Me acaricia com seu nariz, procurando o meu cheiro
Beija minha nuca, rouba meu travesseiro
E quando eu penso que vou ouvir palavras de amor
Você me diz: Querida...UM CAFÉ, POR FAVOR?
Ah, eu mereço, viu? rsrs

 

 

UM CAFÉ, POR FAVOR
Mifori
 
Um café... Por favor!...
Que aroma suave e gostoso!
Cada um tem sua história...

De quinze em quinze minutos
para um ônibus na plataforma,
e os passageiros resolutos
quase que em fila, em forma;
dirigem-se ao banheiro...
 
Depois... Um café, por favor!...
Lembro-me dos companheiros:
do corre-corre, do frio,
da chuva e do calor.
Dos bilheteiros.
Do assíduo trabalhador,
do jovem apressado,
do estudante enamorado!

 

 

UM CAFÉ POR FAVOR
Gina Maia

As bagas vermelhas criadas nas roças
transformam-se em pó, mas já foram grão.
Foi a metamorfose na torrefacção,
à luz dum chicote que deixava mossas

Dos escravos foi pão, do patrão usuras!
Os tempos mudaram, mas não o perfume
ao ferver em cachão em cima do lume.
Este é o tempo d'outras escravaturas.

Um café bem quente fumega nos bares
e pela manhã perfuma nossos lares.
Estímulo no dia e na madrugada.

Fonte d'energia que muda o humor.
Hum....,tem cafeína; - Um café por favor,
mas prefiro em chávena escaldada!

 

 

UM CAFÉ, POR FAVOR...
Gutemberg Maciel
 
Naquele momento em que melancólico estava
Sorvendo um sentimento sem sentido
Ouvi aquele naquele sussurro que clamava  
Como se fora um desabafo de uma precisão
Querendo apenas aquecer o seu momento:
Um café, por favor..., para no seu sabor, mergulhar meu dissabor...

 

 

 UM CAFÉ, POR FAVOR...
José Ernesto Ferraresso
 
Bebida de cheiro excitante. 
saborear ao amanhecer,
aquele momento rotineiro.
 
Que tal um café, amor!
Chove!
Fora uma garoa, nos convida a dançar
e tomar um café... prenúncio sensual.
 
S into o cheiro do café,
lembro de teus lábios , beijá-la, gosto diferente
em sua companhia matinal
 
Café quentinho , sozinhos,
levanto, beijo-lhe, despeço e saio para
trabalhar.
Tudo acontece ao amanhecer.
Cafézinho ...Que bom !

 

 

UM CAFÉ, POR FAVOR...
Marinez Stringhetta/Mara poeta
 
O que vai querer?
Um café expresso, por favor...
Sem açúcar
A bandeja olhava para mim
E eu para ela
A xícara dividia o espaço
Com a água e um docinho
(parecia doce caseiro)
O que faço com a água?

 

 

UM CAFÉ, POR FAVOR...
Zenaide Giovinazzo
 
... seja de que gosto for...
de canela, chocolate ou bom humor.
Só não pode me fazer chorar,
e com saudades, lembrar,
dos nossos cafés,  com amor...
 
SP/agosto/2014

 

 

Um café, por favor...
Nilza Stringhetta Rossi

 A francesinha à mesa
Francesa sem saciar
A fome do bem amado
Na demora do chegar
Na espera alucinada
Biquinho francês delicado
Esquece o namorado
Entusiasmo afrancesado
Mas, o brasileiro a todo vapor
Tira a francesinha do torpor
Quando ele diz todo sério
Um café, por favor!

 

 

UM CAFÉ, POR FAVOR.!
João Coelho dos Santos
 
Moído por tardios remorsos,
Na magia daquele instante,
Com palidez de defunto
Cercado por inclemente clarão de ciúme
Resolveu tentar esquecê-la,
E entrou. Sentou-se a uma mesa
E pediu:- Um café, por favor!

 

 

UM CAFÉ, POR FAVOR
 
Quando faz muito calor,
pode parecer controverso;
  Dê-me um café, por favor...
- Quero a sensação do fresco!
 
Eugénio de Sá

 

 

Um café, por favor...
Malubarni
 
A água está quase a ferver
Já logo posso eu pedir
"Dá-me um café" a sair
sorvo com graça sem temer

 

 

Um café, por favor...
Sonia Nogueira
 
Na manhã envolta em panos
O frio roçando na pele,
Nem levanto, e olho ao lado,
Que estranho contentamento.
A bandeja pousa fiel,
Com sorriso em desalinho.
Um café, por favor, amado,
Em volta com flores, um anel.

 

 

UM CAFÉ, POR FAVOR...
Rita Rocha

Um café pode unir corações
dar início a grandes amizades
fazendo fluir boas vibrações
até onde há falsidades
 
Servir café é ato de humano calor
visto como fraternidade.
Amigo: Um café, por favor!
Eita bebida cheia de identidade!

 

 

UM CAFÉ POR FAVOR
Virgilio Roque
      

Um café logo ao despertar da manhã
Melhora o dia, torna a mente mais sã
 
Clareia as ideias e inspira-nos vida 
Aumenta a adrenalina dá-nos inspiração 
Fomenta-nos a trabalhar com o coração
E a pensar na beleza de uma margarida
 
Pequenas flores de beleza e encanto
Onde o orvalho da manhã faz manto
Repousando num brilho que dá espanto
 
Fazer um café ao romper dum novo dia
Aumenta a esperança dum melhor amanhecer
Vitaliza-nos, afastando qualquer tipo de fobia.
O saborear um café faz novas ideias aparecer
Recordar amizades e torna-las uma mais valia.

 

 

UM CAFÉ POR FAVOR...

There Válio

Depois de uma noite insone,
Levanto ainda meio atordoada,
Saio apressada e sigo para o trabalho,
Mas antes sinto aquele odor delicioso...
Entro no barzinho da esquina,
E aquele belo rapaz me atende sorrindo,
Cheia de emoção falo baixinho...
Um café por favor...

 

 

UM CAFÉ, POR FAVOR!

Odir Milanez

Um café, por favor! Quero afastar
da minha boca o dúlcido de um beijo,
quero esquecer, de vez, esse desejo,
e da sua doçura deslembrar.

Um café, por favor! Se não bastar,
um chope bem gelado e pão de queijo
de paladar qualquer. Somente almejo
desse beijo que dei não mais gostar.

Um café, por favor! Do mais amargo,
que me leve a pensar ser o sabor
dos lábios que osculei, e agora embargo.

Nesta noite um soneto irei compor.
Para que desse beijo eu passe ao largo,
um café, sem açúcar, por favor!

 

 

Edição Mara Pontes

 

:::VOLTAR:::