PARTICIPANTES

1- Clara da Costa
2- Ary Franco ( O Poeta Descalço)
3- Gina Maia
4- ZzCouto
5- Humberto-Poeta
6- Décio Rodrigues Lopes
7- Hamilton Brito
8- Marinez Stringhetta/Mara Poeta
9- Gislaine Canales
10- JAS
11- Rita Rocha
12- Sonia Nogueira
13- Maria Olga de Oliveira Lima
14- Glória Tabet Marson
15- Osmarosman Aedo-2.000 e (Ainda), Nós
16- Maria Olga de Oliveira Lima
17- Eline Santos
18- José Hilton Rosa
19- Zenaide Giovinazzo
20- There Válio
21- Theca Angel
22- Vitória Lynn
23- Ilze Soares
24- João Coelho dos Santos
25- Paulo Silveira de Ávila
26- Edilson Xavier de Menezes /Edmen
27- Márcia Larangeira
28- Isabel C S Vargas
29- Nelson Carvalho
30- Nilza Stringhetta Rossi
31- Nidia Vargas Potsch
32- José Ernesto Ferraresso
33- Yna Beta
34- Sueli do Espírito Santo
35- Theca Angel
36- Mifori

 

 

 

No Traço Risonho da Imaginação
Clara da Costa

Remeto-me ao silêncio, de arder sozinha na dor,
Ensaiando verdades nas sombras das palavras inacabadas
Perdidas no labirinto desse amor
Que sempre enlaça-me em sutis lampejos.

Estranhamente apaixonada,
Com a alma irriquieta digo não à solidão,
Adormeço ao vento, fazendo a tua morada
No traço risonho da imaginação.

 

 

No Traço Risonho da Imaginação
Ary Franco ( O Poeta Descalço)

Vendo-te entre as estrelas que cobrem minhas noites
Sinto o aproximar na distância que nos separa.
Nos mesmos sonhos, ardemos na chama de Eros.
Na paixão da mútua entrega tu queres, eu quero!

 

 

NO TRAÇO RISONHO DA IMAGINAÇÃO
Gina Maia

Viajamos d'almas inflamadas
de coração aberto e mão na mão.
Sorvemos o perfume das madrugadas
e até ao romper da aurora iremos dançar;
no traço risonho da imaginação.
Quando dançamos uma valsa ou um tango
é nas nuances do sonho que me deixo embalar..
Mas se te vejo rendido às mornas ou às lambadas
me entrego a teus beijos, cedendo aos desejos
rodopiando nos extases do nosso fandango!

 

 

No Traço Risonho da Imaginação
ZzCouto

Sou o que se desfez mas que sempre existiu,
o que que sentiu o amor mas nunca foi compreendido,
o que falou em poesia sem nunca ter escrito
o que chorou pela morte mas que por ela... foi vencido.

 

 

No Traço Risonho da Imaginação

Humberto – Poeta

Destrói, se queres, minha inspiração,
transforma em cacos o meu coração
e em teu desprezo mata-me e espezinha...
Mas mesmo agindo assim, perfidamente,
jamais hás de apagar da minha mente
esta ilusão de um dia fazer-te minha!

 

 

No Traço Risonho da Imaginação

Décio Rodrigues Alves

Sou poeta com a inspiração, e nesta luz!
- vejo um caos que o mundo banha-
No traço risonho da imaginação...Vem Jesus!
Dar um novo “Sermão da Montanha”.

 

 

No traço risonho da imaginação
Hamilton Brito

...e então eu vi que você voltava
Com aquele mesmo vestido bonito
vinha saltitante qual menininha... feliz
e em um salto matreiro abraçou-me
...desequilibrado, fui ao solo.
Ao cair, meu sonho...sim, era um sonho
e ele deu lugar à realidade, mostrando
que tudo tinha sido um traço risonho
um traço risonho da minha imaginação.

 

 

No Traço Risonho da Imaginação
Marinez Stringhetta/Mara Poeta

No traço risonho da imaginação...
Nesse traçado desigual
Fujo do normal
Do triste e convencional
Busco a felicidade
Além das portas da cidade
Penetro bosques
Caminho pelas pedras
Atravesso rios
Deslizo na correnteza
Deixo-me levar...
Ouço pássaros
Sinto o aroma da natureza
E te encontro na verde relva da esperança.

 

 

Glosando Adélia Victória Ferreira

Gislaine Canales

No Traço Risonho da Imaginação

MOTE:

Sedenta do teu carinho,
imagino em sonhos vãos,
tuas mãos tecendo um ninho
para aninhar minhas mãos...

Sedenta do teu carinho,
eu uso a imaginação
e me lanço no caminho
que leva ao teu coração!

Quase em êxtase de amor
imagino em sonhos vãos,
ouvir teus “sins” com fervor,
e nunca escutar os “nãos”!

Já não estou mais sozinho,
pois eu sinto junto a mim,
tuas mãos tecendo um ninho
e me acarinhando, assim!

Sonhando eu me realizo,
os sonhos são meus irmãos
que trazem o paraíso
para aninhar minhas mãos...

 

 

No Traço Risonho da Imaginação

JAS

Dê-me asas para voar
Raízes para voltar
E motivos para te amar

Senão as estrelas são
O meu infinito desejo
Neste traço risonho da imaginação.

 

 

No Traço Risonho da Imaginação
Rita Rocha

Vejo ao meu lado tua presença forte,
seguindo-me feliz num olhar distante
desprendendo a luz que me dá o norte
caminhada terrena: sempre avante!

 

 

No Traço Risonho da Imaginação
Sonia Nogueira

Rio na hora divinal do sol em declínio
Quando a tristeza da lua ao receber
A claridade do seu amado, que sumiu.
Resta a esperança de outro dia, ali...
E sonhar, sorrir até o novo dia perecer.

 

 

No Traço Risonho da Imaginação
Maria Olga de Oliveira Lima

Presa em seus musculosos braços
Trocamos ardentes beijos de amor,
Sentindo a brisa beira-mar
A nos acariciar...

Trocamos juras e promessas...
De em breve estarmos juntos
No comprometimento selado diante do altar.

Tudo é lindo demais...
Satisfeita, feliz... sonhadora...

De repente de meu sonho risonho e de paz
Sobressalta-me o coração.
E acordando... percebo que tudo não passou
De um traço risonho da minha imaginação.

 

 

No traço risonho da imaginação

Glória Tabet Marson

Neste teu traço risonho,
da minha imaginação,
posso ver em cada sonho
o que é ter uma paixão!

 

 

NO TRAÇO RISONHO DA IMAGINAÇÃO
Osmarosman Aedo-2.000 e (Ainda), Nós

Encontro outros traços
Com tudo o que um dia fiz, refaço
Para obras eternas com honra das mãos;
Enlaço como tudo o que fiz, faço
Trajetando caminhos curtos
Que não se desviem das honras
Que as outras mãos descalças, se desfazem, num traço;
E é justamente no traço risonho da imaginação,
Que caio em cena entre um e outro aceno...
Me liberto...
Ganho asas...
E voa meu coração.

 

 

NO TRAÇO RISONHO DA IMAGINAÇÃO
Eline Santos

E os meus olhos que não te viam,
Ao vê-lo brilharam.
Minhas mãos, que buliçosas teimavam
Em querer fazer carinhos,se aquietaram.
Meus lábios, fugazes levemente passou por tua face...

Então, meus olhos, lacrimosos pela saudade,
Segredou para meu coração,
Que disparado, emocionado escutou:
Ela confessou, que dormirá no olhar,
Desse amor que não terminou,
No traço risonho da imaginação.

 

 

No traço risonho da imaginação
José Hilton Rosa

Calado naquela tarde
não querendo falar
não é tristeza, é imaginação
um tropeço ao andar
querendo não mais falar
aos amigos apenas uma saudação com a mão
não andar na contramão, esta é a condição
não gosto de falação
políticos em felação

sóbrio ao amanhecer
o filho querendo aprender
procurando explicação
para o verde que não está verde
a rosa que não está rosa, vermelha
caule que foi plantado
flores sem vida
borboletas que voam no pomar
o homem procurando o mar
olhando a donzela
imaginação, seu traço risonho

 

 

NO TRAÇO RISONHO DA IMAGINAÇÃO
Zenaide Giovinazzo

Renasce o sol,
a noite se foi...
Senti você ao meu lado.
Foi sonho maravilhoso
ou a imaginação multicor?
Não... apenas amor!

SP/Dezembro/2 015

 

 

No Traço Risonho da Imaginação
There Válio

Alta madrugada eu ainda acordada,
No umbral da janela um reflexo do luar,
Lembranças distantes retornam...
No traço risonho da imaginação,
Volto a sonhar com o nosso amor!

 

 

No Traço Risonho da Imaginação
Theca Angel

Das sinuosas linhas do meu pensamento
Risonhos desenhos surgem no momento
Traçados de figuras que bailam na mente
Sucessivos flaches pelos olhos registrados
Dos incriveis fatos com alegria flagrados
Mas que se diluem quase que num repente!

 

 

No Traço Risonho da Imaginação

Vitória Lynn

A nossa vida é uma verdadeira arte,
onde desde a nossa infância
aprendemos a desenhar o futuro
através de simples rabiscos que podem simbolizar
a importância de fazermos nossas próprias escolhas.
Esta é uma das primeiras etapas da vida
que concluímos, para que assim,
possamos alcançar a autonomia
e irmos em busca da realização de nossos mais belos sonhos.
Com o passar do tempo sentiremos saudades de tudo
o que para nós não passou do prazer de brincar
e percorrer esta fase da vida com imensa alegria
estampada em nosso rosto.
O principal foco de toda essa aventura,
é a fértil inspiração que jamais podemos perder
no traço risonho da imaginação!

 

 

No Traço Risonho Da Imaginação
Ilze Soares

Nós dois juntos, unidos pelo amor,
desejo e cumplicidade que habitam meu coração,
sinto que voce se aproxima com todo ardor...
Belo sonho, que acaba com minha solidão,
no traço risonho da imaginação...

 

 

NO TRAÇO RISONHO DA IMAGINAÇÃO

João Coelho dos Santos

No traço risonho da imaginação
Pensa que tens Deus a teu lado,
(Ovelhas à direita, cabritos à esquerda),
Que Lhe disseste sim e a teus irmãos
E que a tua fé te salvou!

No traço risonho da imaginação
Sonha que aos Santos te juntaste
Porque ontem acreditaste
E rezaste, Deus te irá acolher.

 

 

No Traço Risonho da Imaginação
Paulo Silveira de Avila

No traço risonho da imaginação,
eu preciso de todas as cores
para pintar a aquela da vida.
Eu preciso de todos os fluidos etéreos
vindos do amor para que minha poesia
arda como luz do sol.
Preciso semear para outros colherem
nesta messe onde o trabalho da mão
é feito com prece,
cuja emoção consiste na emoção de pintar
e escrever o instante que passa.

 

 


TRAÇO RISONHO DA IMAGINAÇÃO
Edilson Xavier de Menezes/Edmen

A imaginação é, deveras, infinita,
seus traços, são como bela formatação,
mas no coração se torna mais bonita.
Quando escrevo, o faço com traço
desenvolvido na emoção.

 

 

NO TRAÇO RISONHO DA IMAGINAÇÃO
Márcia Larangeira

Podem tirar-me tudo da vida
o conforto, o alimento e o amor
Ainda assim, sobreviverei à tudo
o que me causa dor.
Mas ninguém poderá me tirar a alegria
por saber que tudo isso passará um dia
porque tenho a liberdade de sonhar
e em meus sonhos posso criar o futuro
onde meu tesouro estará seguro
nas minhas experiências e aprendizados
onde já não podem mais, de mim, serem tomados.
E é assim, que vejo no traço risonho da imaginação
uma luz brilhando na escuridão.

 

 

NO TRAÇO RISONHO DA IMAGINAÇÃO...

Isabel C S Vargas

Sou o que meu interior necessita e determina.
Sou ave liberta que a nada se prende,
Sou âncora que apóia quem de mim necessita.
Sou verso, sou prosa, música e silêncio.
Em cada momento, sou diferentes verdades
Sem qualquer resquício de falsidade.
Sou intensa tempestade, profunda calmaria
Todos os momentos determinados pelo amor.

 

 

No Traço Risonho da Imaginação

Nelson Carvalho

O risonho da imaginação,
tem sempre um falso traço,
aquilo que diz o Coração,
ou é difícil ou devasso!

 

 

No Traço Risonho da Imaginação
Nilza Stringhetta Rossi

Risca-se de traços a imensidão do espaço
Linhas que se cruzam e se entrelaçam
Coloridas vidas, esperançosas rosas.
Jardins nas quatro estações sazonais
Belezas naturais, espaços siderais.
Viajam omigo, os sonhos, meus amigos.

A imaginação não pára de criar
Ora rápida, ora muito devagar.
Coisas imagináveis, seres intermináveis.
Um só traço risonho, e um começo endereço.
Jamais terá fim
A imaginação em mim.

 

 

O Traço Risonho da Imaginação
Nídia Vargas Potsch

Traço eu, traça você, traçamos nós
Um infinito de sedutoras possibilidades
Combinações deveras quixotescas...

O colorido, fica por conta dos desejos
Da aventura de se travestir ampliando visões
É o traço risonho da imaginação que prevalece...

Máscaras de diferentes pareceres dão ar da graça!
Cada qual é alegoria da sua própria concepção...

@Mensageir@

 

 

No Traço Risonho da imaginação
José Ernesto Ferraresso

Maltrata -me, se queres,
toda a minha desistência.
Destrói paulatinamente
essa minha ilusão.
Machuca meus sentimentos
mas não me deixes não.
Quero que saibas
que te pertenço e
jamais me abandone,
nem magoe meu coração.
Recorde do passado e
reviveremos uma diferente paixão.
Nesse traço risonho da imaginação
posso imaginar
uma forma diferente de te amar.

 

 

No traço risonho da imaginação.

Yna Beta

Numa praia deserta, em noite de luar
Sinto as ondas banhando nossos corpos macios.
No calor dos seus braços, a me apaixonar
E com a cumplicidade das estrelas, sorrio...
Nosso amor foi assim, só doce paixão
No traço risonho da imaginação...

 

 

No Traço Risonho da Imaginação

Sueli do Espírito Santo

No traço risonho da imaginação
Floresce a minha inspiração
Nosso espaço eu mesma faço
Com você que é tudo que tenho
vivemos nesse belo desenho
Juntos em um eterno abraço.

 

 

No Traço Risonho da Imaginacao
Theca Angel

Sei que me queres e eu te quero tambem...
Fingimos indiferenca, não dizemos a ninguém
O quanto é delicioso esse amor escondido.
Não permitimos que saibam das venturas
Nem das estrepolias acompanhando as juras
Deste nosso amor bonito entre beijos perdidos.

 

 

NO TRAÇO RISONHO DA IMAGINAÇÃO
Mifori

Todos os nossos caminhos
consumados pelo amor
cruzaram-se.
Vivemos o melhor da vida
em meio a afeto e carinhos!

 

 

Imagem The Light Within
by CaryAndFrankArts

Edição Mara Pontes

 

:::VOLTAR:::