ESQUECER? NÃO!
Clara da Costa
 
Cheguei atrasada,
mais uma vez...
 
Outra musa baila nos teus sonhos,
não ouves mais quando meu coração canta teu nome,
nem que meu corpo chama pelo teu.
 
Outras mãos entrelaçam as tuas,
outras pernas se aconchegam nas tuas,
na tua boca,
sorves outro gosto.
 
Não importa, ainda tenho você
tatuado em meu coração,
e tuas mãos memorizaram
cada suspiro meu.
 
O gosto do teu beijo
ainda sinto na minha boca,
em minha pele o desejo marcado,
no ar, teu perfume persiste...
 
Esquecer?
Não!!!
 
 
COMO TE ESQUECER!?
Irismar Santiago

E, te esquecer por quê?
Se eu gosto de sonhar contigo...
Se a lembrança de ti é bálsamo prá minh`alma.
Se teu perfume está impregnado no ar que eu respiro.

Esquecer-te por quê?
Se te sinto aqui, sutilmente perto de mim.
Se o som que escuto é tua voz melodiosa exclamando palavras de amor...
 

Esquecer-te por quê?
Se a cada notícia tua, meu coração transborda de alegria.
Se é o teu sorriso que eu vejo ao despertar-me.
 
 
Esquecer-te por quê?
Se não esqueço os teus beijos levando-me à loucura.
 
Esquecer-te por quê?
Se tua disciplina e prudência refreiam a minha impetuosidade.
Minha Princesa querida!
 

Nem por um segundo vou te esquecer, não se esquece um amor assim.
E, te esquecer por quê?
Se tu és o abrigo pra minh`alma!
 
Março/12