Sinto teus sinais
Clara da Costa
 
 
Sinto teus sinais,
Na força do vento
No mar que sussurra
Na onda que grita um lamento.
 
Meu sorriso absorto,
Canta suaves murmúrios,
Escorre sobre versos vazios
Entre lembranças inapagáveis.
 
Remexo na saudade,
Cheiro o aroma do teu beijo lento,
De  toque envolvente.
 
Sinto teus sinais,
Longe do meu olhar,
Longe do meu amor...
 
 
 
 

De fé perdida

Eugénio de Sá

  

Cheiros de ti ficaram na almofada

Que junto à minha, alva, permanece

E enquanto me tarda a alvorada

No frio da noite só ela me aquece

 

As saudades são tantas, e a dor

Da tua ausência nos nossos lençóis

Trazem memórias vivas do amor

que tal como a minh’alma tu destróis

 

Surgem alvores do dia e dou comigo

Remoendo as razões deste abandono

Mas mais do que abismar-me não consigo

 

Porque te dei de mim todo o meu sono

Se o que investi em ti estava perdido

Até a fé, que agora não tem dono!

 
 
 
 
 
 
Tube: Gina
Wav: II Divo - Pour que tu maimes encore
Tutorial: Mara Pontes
Arte e Formatação: JoiceGuimarães