Deixo aqui para que leias.
Cássia Vicente
 
 
 
 
Louca, sim louca,
pelo seu meio adulto, meio menino,
meio fujão, meio reservado,
meio a meio apaixonado,
no meio do nada e
derepente em meio a tudo.
 
Sim, sou louca,
pelo seu reservado sorriso,
sua segura insegurança,
sua ausente presença,
seu presente fugidio desejo.
 
Você me faz louca,
pelo seu cômodo sofá,
meu incômodo;
pela sua maneira diferente de amar, 
minha retaguarda;
pelas nossas diferenças;
eu no teu fogo, você no meu ar;
pela tua paciência,
que foge à minha sabedoria.
 
Será que te deixo louca?
Ainda quero ver você reagir e
mudar o que te incomoda
mesmo que me deixe ainda mais louca!
 
 
maio 2011
 
 
Sou louco
Tarcísio Ribeiro Costa
 
Por esse seu jeito manhoso
de falar,
Por esse seu jeito manhoso
de andar,
Por esse rosto envergonhado
ao beijar,
Por essas suas mãos tímidas
ao afagar,
Por esse seu jeito carinhoso
ao me olhar,
Por esse seu jeito carente
ao me abraçar,
Por esse seu carinho
ao me falar,
Por tudo que me traz motivo
para a minha paixão,
Por essa sua maneira de perguntar
se a amo,
Por essa minha felicidade
de ter o seu amor,
Pelo amor que sente meu coração
por você.
Por acreditar  que você
me ama
Por me deixar louco
de paixão.
 
Tarcísio Ribeiro Costa
 
 
 
 
 
 
 
 
 
:::VOLTAR:::
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

 
?