Se seguir  teus passos
onde deixarei minhas pegadas?
nos meus abraços, beijos e desejos.
 
Onde fincarei raízes?
na terra fértil do meu carinho.
 
E...onde descansarei?
na cabeceira da minha cama.
 
Talvez seja isso um desejo de
 ouvir minhas vontades.
 
Talvez,
eu não mude meus passos,
não pegue carona nos teus braços,
nem tampouco alcance tua terra
e a cabeceira seja a minha alcova.
 
Talvez com isso
 sonho meu pesadelo.
crio meu inferno,
  amo minha sina.
 
Que assim seja se for  castigo,
não espere de mim a paz,
minhas palavras serão duras,
uma fuga pra não chorar.
Se doer minhas palavras,
fuja.
 
Cássia Vicente
 
 
jataí-GO
15-04-2011
 
 
 
 
 
 
 
 
Tube GINATUBES FEMME 1717