Caso sério esse...
Cássia Vicente
 
 
 
Hoje estou por conta 
de rasgar a roupa, tirar o atraso
nos lençóis de um quarto qualquer
 com você.
Divagar o verbo amar entre eu, tu e nós
no presente do indicativo.
Sair do sério,
explorar cada sentido teu.
Não usar vírgula nem pornto final,
deixar a exclamação sem fôlego.
Revelar nosso caso como "caso sério"
e deixar que tome conta de mim de vez.
Dará conta?
 
 
Jataí.GO
15.04.2008
 
 
 
 
 

 

 

 

::::VOLTAR::::