CONTENTAR-SE


Clara da Costa

 
"Me sinto indecentemente feliz porque
posso pagar minhas contas"
Millôr Fernandes
 
Parafraseando o grande Millôr,
também digo que me sinto indecentemente feliz por poder pagar minhas contas,
por poder viajar uma vez por ano,
por ter roupas para vestir,
por ter uma casa para morar,
por não faltar-me o alimento necessário todo o dia,
por ter tido a oportunidade de estudar.
Ser feliz é uma maneira de agradecer a Deus... contentar-se com o necessário é saber ser feliz, é dar valor e agradecer, diariamente, pelo que se tem.
Ser feliz independe de excesso de bens materiais ou de beleza física.
Quando abandonarmos esses corpo físico,
ninguém se lembrará do que tínhamos, ao contrário,
se lembrarão sim, do que fomos.
Contentar-se é valorizar a vida a cada segundo, é agradecer pela dádiva da natureza, é olhar para o infinito e sentir no âmago do ser, esse poema chamado VIDA.
 
Abril/12
 
 
 
 
 
 
  

 

 

 

Créditos:
Tubes: Claudia Viza
 Formatação e arte:
Edilson Menezes/Edmen

 

:::VOLTAR:::